domingo, 23 de junho de 2013

Universidade Monstros

                                                 
Ontem foi o dia em que pude conferir o filme "Universidade Monstros" no cinema. Eu estava tão ansiosa em rever os monstrinhos de "Monstros S.A. que pensei que ficaria decepcionada com o filme, o que acontece quando fico esperando tanto de uma continuação. Mas, dessa vez, foi definitivamente legal! 
 O filme inicia com uma visita do pequeno Mike Wazowski a companhia de energia da cidade de Monstrópolis. Ele fica encantado com os monstros entrando por aquelas portas e assustando crianças, sendo esse o seu desejo. 
   Algum tempo depois, Mike finalmente entra na universidade com o intuito de virar o monstro mais assustador de todos. Porém, o seu sonho vai por água abaixo quando o James P. Sullivan aparece e os dois brigam(isso mesmo, eles não eram amigos antes. Eles se odiavam!), quebrando o Medidor de sustos da diretora Hardscrabble. Os dois são expulsos da aula de sustos e são obrigados a procurar outros cursos. Mas Mike não desiste do seu sonho, recorrendo aos Jogos de Sustos. Porém, ele necessita de uma fraternidade para participar, tendo que escolher a única que não o rejeitou: a OOzma Kappa, formada por monstros que também foram expulsos da aula de sustos. 
                                  
Precisando apenas de mais dois integrantes para entrar no jogo, Mike e Sullivan entram para a fraternidade, esperando voltar para as aulas. E eles não possuem nenhuma chance de ganhar a competição. 
                                   
É a partir desse momento que os jogos começam e eles tentam dar a volta por cima, conseguindo vencer alguns desafios, mostrando o trabalho de equipe e a evolução da Oozma Kappa. 
A  Universidade Monstros mostra como o Mike e o Sullivan se tornaram amigos e começaram a trabalhar na fábrica de sustos e como eles também conseguiram o Randy Boggs(o monstro que fica transparente) como inimigo. É uma animação realmente incrível, que me impressionou muito! 









Nenhum comentário:

Postar um comentário